<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d37878389\x26blogName\x3dElevador+da+Bica\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://elevadordabica.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://elevadordabica.blogspot.com/\x26vt\x3d8544793576954813379', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
elevador da bica

O segredo dos teus olhos

Uma vez vi uns olhos castanhos muito grandes atrás de um computador, só os olhos, a mirarem. Aquilo ficou. Mais tarde casei com ela. A esta história, podia chamar-se "os segredos dos teus olhos", como o filme argentino que vimos esta semana. O filme de Juan Jose Campnella ganhou o Óscar do melhor filme estrangeiro e é sobre paixões, violência, vingança, memórias, crime e filhos de puta que são como as rolhas a boiar entre o lixo político de um regime qualquer. Mas também é muito sobre os silêncios e o lado obscuro do nosso cérebro, para onde mandamos tudo o que do passado nos incomoda e que regressa para nos atormentar quando a vida traquiliza após a reforma. É uma boa história, - com um ou outro exagero - mas vale a pena ver. Tem alguns diálogos quase tarantínicos. Daniel Oliveira faz aqui uma reflexão interessante sobre a coisa.

Etiquetas:

“O segredo dos teus olhos”