<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d37878389\x26blogName\x3dElevador+da+Bica\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://elevadordabica.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://elevadordabica.blogspot.com/\x26vt\x3d8544793576954813379', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
elevador da bica

Cavaco e o BPN (I)

Cavaco Silva, o não-político profissional mais impoluto de sempre, está a pagar com grande atraso a factura das más companhias de que se rodeou durante o seu consulado em São Bento e nos anos seguintes. Dir-se-á que em política é impossível evitá-lo. Talvez. Mas é impossível que Cavaco nada soubesse sobre as aventuras e desventuras dessas companhias. Se tolerou errou. Se não desconfiou errou. Seja como for é matéria relevante para a apreciação da capacidade de um candidato à Presidência da República. Ainda para mais quando esse candidato diz coisas destas.

“Cavaco e o BPN (I)”